Os pneus run flat possuem uma tecnologia que permite que eles funcionem mesmo em caso de perda total da pressão interna do ar. Assim, eles garantem maior segurança no trânsito e ainda eliminam a necessidade de o motorista rodar com um estepe. 

Quer saber mais sobre esse tipo de pneu? Então continue lendo e tire todas as suas dúvidas sobre o tema. 

O que são pneus run flat? 

O pneu run flat conta com tecnologias e estruturas que o tornam mais resistentes do que os modelos tradicionais. Dessa forma, ele é capaz de rodar mesmo com baixa pressão. 

Eles contam com reforços de estrutura nos flancos, ombros e talões (a lateral e o aro de fixação na roda). 

Em modelos de pneus tradicionais, o ar comprimido no interior fica responsável pela sustentação do peso do veículo. Logo, quando acontece algum dano, o ar escapa e as laterais se dobram, fazendo com que os aros da roda toquem na banda de rodagem. 

Contudo, no caso dos pneus run flat, isso não acontece, uma vez que o peso do veículo ficará apoiado nessa camada reforçada. Logo, não ocorre um detalonamento. 

Vantagens do pneu run flat

Uma das principais vantagens do pneu flat é a capacidade que ele tem de fazer com que o veículo mantenha o controle mesmo em caso de estouro do composto em alta velocidade (o que não acontece com frequência). Isto é, ele dá mais firmeza para o motorista manter o controle do veículo. 

Além disso, esse tipo de pneu também proporciona benefícios como: 

  • Elimina a necessidade de rodar com um estepe no porta-malas; 

  • Ajuda na preservação do meio ambiente, uma vez que a necessidade de troca de pneus é menor, logo, o seu descarte é diminuído;

  • Capacidade de seguir viagem mesmo em caso de rasgos ou furos no pneu. 


Leia também: Blindagem de carros: como funciona e suas vantagens

Qualquer veículo pode instalar pneus flat?

Não. O veículo para receber pneus run flat deve, necessariamente, com sensores de pressão nos pneus. 

Esse item é obrigatório, pois, com esse tipo de pneu, o motorista pode não perceber quando os compostos estiverem sem pressão do ar interna. 

Além disso, o veículo também precisa contar com um projeto de suspensão mais robusto, adaptado para receber esse tipo de pneu, que são mais pesados, cerca de 2 a 4 quilos a mais que os pneus convencionais. 

Atenção!

Outra informação importante que o motorista que dirige um veículo com pneus run flat deve saber é que, quando os compostos estiverem com avaria, ele não deve ultrapassar 80 km/h e nem rodar por uma distância superior a 80 quilômetros. 

Isso é importante pois esse é o limite que as estruturas reforçadas dos pneus suportam rodar com garantia de segurança. Se ultrapassado essa recomendação, o motorista já estará em situação de risco de acidentes. 

Dica: Como saber a hora certa de trocar o pneu? 

O pneu conta com um indicador de desgaste chamado TWI, que está localizado entre os sulcos dos pneus. Quando esse indicador se iguala à banda de rodagem (1,6 mm) significa que chegou a hora de trocar o pneu. 

Andar com os pneus desgastados pode causar uma série de problemas, como derrapagens nas curvas durante as frenagens, perda de aderência com o solo, gerando aquaplanagem e além de você estar sujeito à multa por infração de trânsito. Portanto, fique atento aos sinais e realize a troca de pneus no momento certo!


Leia também: Cuidados com o carro: 10 dicas para manutenção e conservação

Pneus run flat para veículos Mercedes-Benz

Os veículos Mercedes-Benz contam com pneus desenvolvidos e produzidos especialmente para os modelos da marca, o que garante a máxima segurança e performance. 

Todos os pneus Mercedes-Benz são desenvolvidos em cooperação com os fabricantes de pneus premium e possuem o selo de qualidade da marca.


Os pneus originais da marca oferecem ainda uma perfeita interação entre o pneu, a rua, o material de rodagem e a condução, o que garante um alto grau de confiabilidade, segurança, durabilidade e conforto de direção.

Apenas na rede de concessionárias autorizadas Mercedes-Benz você encontra os MB Tires. Venha até a Bamaq e agende a sua revisão agora mesmo!