Direção defensiva: conheça boas práticas para dirigir e evitar acidentes

Direção defensiva: conheça boas práticas para dirigir e evitar acident
02/06/2021

Você, motorista, pratica a direção defensiva? O conceito evidencia a necessidade de uma condução preventiva e cautelosa, de modo a tornar o trânsito mais seguro. Por isso, é fundamental que todos tenham conhecimento e apliquem diariamente algumas boas práticas. 

Apenas com a conscientização de cada um que conseguiremos ter ruas e estradas seguras para todos. 

Pensando nisso, reunimos neste artigo algumas informações importantes a respeito da direção defensiva. Veja e saiba como fazer a sua parte! 

O que significa direção defensiva? 

Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), dirigir defensivamente significa: 

“Uma forma de dirigir, que permite a você reconhecer antecipadamente as situações de perigo e prever o que pode acontecer com você, com seus acompanhantes, com o seu veículo e com os outros usuários da via”.

Em outras palavras, é o ato de conduzir de modo a evitar acidentes, apesar das ações incorretas dos outros e das condições adversas encontradas nas vias de trânsito. 

Portanto, a direção segura diz respeito ao conjunto de práticas que os motoristas devem aplicar em suas rotinas no trânsito, com objetivo de evitar acidentes. Ou seja, são iniciativas preventivas que os deixam atentos aos fatores externos e condições adversas na pista. 

Principais condições adversas: dicas de como agir nessas situações

Condições adversas são fatores que prejudicam o desempenho dos motoristas no trânsito e com isso aumentam a possibilidade de acidentes. O Detran fez um levantamento das condições mais comuns e que merecem atenção especial. São elas: 

Luz

Refere-se às condições relacionadas à luz natural e artificial. Neste caso, o excesso ou falta de iluminação prejudicam a visão do motorista, deixando-o suscetível a acidentes. 

Dicas de como dirigir defensivamente nessa situação: 

  • Quando você se deparar com um veículo com um farol alto em sentido contrário, avise-o piscando os faróis e desviando o foco de visão para o acostamento do lado direito;

  • Em períodos de alta incidência solar, use palas de proteção ou óculos de sol;

  • Conduza com mais atenção, regule corretamente os faróis e nunca dirija com eles apagados ou com defeito. 


Tempo 

Condições atmosféricas como chuva, vento e neblina diminuem a capacidade de ver e avaliar a situação da estrada. 

Além disso, essas condições causam problemas na estrada, deixando-as mais lisas e perigosas, aumentando assim o risco de acidentes. 

O que fazer nessas situações: 

  • Reduza a marcha, acenda as luzes e se o tempo estiver muito ruim, saia da estrada e espera que as condições melhorem; 

  • Neste caso, procure um local adequado e sem riscos, como um recanto, posto rodoviário ou de gasolina. 

Vias 

Para exercer uma direção defensiva, o motorista deve procurar se informar a respeito das condições das ruas e estradas que irá percorrer. 

Entre as condições de vias adversas mais comuns estão: o excesso de curvas, subidas e descidas, buracos, tipo de pavimento, trechos escorregadios etc. 

Portanto, antes de pegar a estrada é importante verificar se os equipamentos de uso obrigatório para essas situações estão em perfeitas condições de uso.

Trânsito

Neste caso, incluem-se as condições como pedestres, animais e demais veículos na pista. Por isso, uma direção segura deve se prevenir por você e pelos outros integrantes do trânsito. 

Boas práticas nessas situações

  • Evite locais (área escolar, central etc) em que o número de veículos é maior; 

  • Quando o trânsito estiver muito turbulento, não se esqueça de obedecer à sinalização existente;

  • Não se esqueça de utilizar os sinalizadores do veículo para informar suas atitudes, como o uso das setas, por exemplo. 

  • Antes de pegar a estrada, verifique as condições do seu veículo; 

  • Abasteça o automóvel com o combustível necessário. 

  • Obedeça os limites de velocidade da pista. 

Veículo 

É um dos fatores que mais causam acidentes. Por isso, um condutor defensivo deve sempre manter seu veículo em condições ideais para transitar com segurança. 

Entre os fatores de maior risco estão: pneus gastos, lâmpadas queimadas, freios desregulados, cinto de segurança defeituoso etc. 

Portanto, para se prevenir, o mais importante é realizar as revisões periódicas corretamente, mantendo assim seu veículo em boas condições de uso. 

Condutor

É a condição de maior responsabilidade na lista de práticas de direção defensiva. Afinal, para ter um bom desempenho no trânsito, o motorista deve estar em um bom estado físico e mental. 

Por isso, cada condutor deve avaliar suas condições de dirigir, prezando sempre pelo bom senso, de modo a não colocar a si mesmo e outras pessoas em risco. 

Práticas de direção defensiva neste caso:

  • Nunca dirija sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa;

  • Caso se sinta indisposto, cansado ou com dores, procure um médico e evite dirigir; 

Deveres do motorista para uma direção defensiva

O Detran preparou um material com uma série de orientações sobre como praticar uma direção segura.  No documento, foram elencados os dez principais deveres do condutor para uma condução defensiva, são eles: 


  1. Conhecer as leis e a sinalização de trânsito e obedecê-las sempre, em qualquer local e horário. 

  2. Usar sempre o cinto de segurança ou o capacete com viseira e demais equipamentos obrigatórios (em boas condições de uso). 

  3. Conhecer o veículo que está conduzindo e saber usá-lo corretamente (consulte o manual do veículo).

  4. Manter o veículo sempre em boas condições de funcionamento e abastecido de combustível, óleo e água. 

  5. Prever situações inesperadas, ficar atento e ser capaz de evitar acidentes. 

  6. Ser capaz de tomar decisões corretas com rapidez nas situações de perigo. 

  7. Nunca aceitar desafios e provocações de condutores irresponsáveis, deixe os apressados ultrapassarem.

  8. Não conduzir cansado ou com sono, sob o efeito do álcool, remédios ou qualquer outra substância tóxica. 

  9. Não confiar apenas na sua habilidade, conte com o suporte dos instrumentos do painel do veículo para ajudá-lo a tomar as decisões certas. 

  10. Procure ver tudo que está acontecendo à sua volta e certifique-se de que todos estão vendo o seu veículo e a sinalização que está usando. 


Clique aqui e veja o material completo.